Você está aqui: Home » Notícias » Novo Progresso celebra 28ª aniversário

Novo Progresso celebra 28ª aniversário

Compartilhe no:

Localizado no Sudoeste do Pará, o município de Novo Progresso comemora nessa sexta-feira (13 de dezembro) 28 anos de emancipação política administrativa. A data é histórica para o município, devido a Lei Estadual nº 5.700, de 13 de dezembro de 1991, que elevou o povoado a categoria de cidade e desmembrou o território do então […]

Novo Progresso celebra 28ª aniversário
Novo Progresso celebra 28ª aniversário

Localizado no Sudoeste do Pará, o município de Novo Progresso comemora nessa sexta-feira (13 de dezembro) 28 anos de emancipação política administrativa. A data é histórica para o município, devido a Lei Estadual nº 5.700, de 13 de dezembro de 1991, que elevou o povoado a categoria de cidade e desmembrou o território do então distrito de Itaituba. 

O surgimento da cidade se deve a construção da rodovia Santarém – Cuiabá, que em 1973, rasgou e desmatou a floresta amazônica. Em 1983, já se percebia um pequeno povoado, com uma igreja e um campo de futebol. A instalação do município se deu em 1 de janeiro de 1993 com a posse de seus primeiro Prefeito, Vice-Prefeito e vereadores. O município passou a existir com denominação de Novo Progresso. O termo “Novo” foi acrescentado para diferenciá-lo de outro município da Federação com o nome de Progresso.

Garimpo

Em 1984, a região mudou sua história com a descoberta de uma grande jazida de ouro, atraindo milhares de pessoas à localidade. Nessa época o povoado chamava-se Progresso. Surfurino Ribeiro promoveu venda de lotes, sendo que o primeiro foi vendido para Antônio Reginaldo Araújo, que ergueu um bar e restaurante, atendendo ônibus e viajantes, com alimentos e camas para dormir.

A comissão Pró-emancipação foi criada em 1985, sendo presidente o Sr.Laurindo Blatt.

Na sua emancipação, em 1993, tinha pouco mais de 5.000 habitantes. Hoje, a população é estimada em mais de 30 mil habitantes e, apesar disso, ainda consegue se manter como uma cidade amistosa, com a mistura de pessoas de todas as regiões do Brasil.

Nessa celebração, Novo Progresso vive entre a esperança de que a rodovia BR 163 a ferrovia (ferro-Graão) possa reativar a economia local. O projeto foi paralisado por ações do governo federal, impedindo o avanço da economia neste território tomado por terras férteis para agricultura e minério em abundância.

A perspectiva de crescimento é real, e apesar das dificuldades, mantemos a esperança de desenvolvimento para toda a população. Parabéns a todos os habitantes de Novo Progresso!

Fonte: Jornal Folha do Progresso