Você está aqui: Home » Notícias » Mineração é um dos maiores potenciais do Brasil

Mineração é um dos maiores potenciais do Brasil

Compartilhe no:

Foi divulgado no dia 10/12/2018 no site G1 com o título de: “Como a mineração ajuda a alavancar a economia brasileira”, conta que essa potência atual é uma vocação brasileira oriunda do período colonial. De acordo com o Ministério de Minas e Energia, junto à indústria extrativista, hoje em dia o setor da mineração gera mais de 180 mil empregos diretos, representa 4% do PIB e é responsável por 25% do saldo comercial do país”.

O setor de mineração nadou contra a maré da crise e vem se expandindo e trazendo solidez pra economia nacional, gerando empregos de mais qualidade e desenvolvendo tecnologias

De acordo com a matéria foram exportados US$ 46,4 bilhões em 2017, com um superávit de US$ 23,4 bilhões. “O Brasil é uma potência mineral, só que os brasileiros não sabem disso”, foi a frase do diretor de Assuntos Ambientais do Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram), Rinaldo Mancin.

As 10 mil minas do país – 87% delas de micro e pequeno porte – geram 180 mil empregos diretos e mais 2,2 milhões de empregos indiretos em todo o país.

O minério de ferro é um dos maiores fatores que contribui pra esse resultado.

Somente o ferro significa 8,82% do total das exportações brasileiras, atrás apenas da soja. Outros minerais também projetam o país no Exterior. O Brasil se tornou a principal fonte de nióbio – importante para setores de alta tecnologia, como a área aeroespacial –, com mais de 90% da disponibilidade do planeta. Terceiro exportador global da grafita, o país tem potencial para assumir a dianteira no ranking desse produto nos próximos anos. “Ela é essencial para as baterias de carros elétricos e, com a proliferação deles prevista para 2030, está tendo uma ‘corrida do ouro’, mas para a grafita”, comenta o chefe do Departamento de Engenharia de Minas e de Petróleo da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), professor Giorgio de Tomi.

Além de sua importância econômica, o setor de mineração pode ser uma ferramenta para o crescimento sustentável de áreas isoladas. De acordo com De Tomi. as ong’s s´ø chegavam depois que área já estava sendo exploradas e é fundamental que o minerador de uma região seja utilizado para estimular seu desenvolvimento e criar uma infra-estrutura para a população local e prepara-lo pra isso. “Você tem que se perguntar como a mineração pode ajudá-lo a superar os desafios sociais”, disse ele. Ele usa o exemplo da eletricidade, que é essencial para os mineradores, e pode-se usar painéis solares no lugar de transformadores a conscientização do impacto ambiental na área.

A falta de conhecimento pode fazer verdadeiras tragédias ambientais para a natureza, precisa-se ensinar os métodos adequados de manejo dos minerais e seu processamento afim de evitar desastres ambientais e trabalhar de forma legal.

De Tomi destaca a fiscalização. Já que fizeram o requerimento dessas concessões do governo, garimpeiros e mineiros devem ser obrigados a utilizar racionalmente os recursos e para cumprir com as normas pertinentes, tais como o desenvolvimento de um encerramento do plano da mina, previsto pela lei, mas eles geralmente são deixados somente no final da extração. . “O plano deve começar no primeiro ano de atividade”, disse ele.

Para desenvolver o setor, o déficit de infraestrutura do Brasil é outro desafio. “As propriedades dos minerais tem uma rigidez de localização, ocorre apenas neste local específico devido às suas características geológicas. Temos o desafio logístico para melhorar rodovias, hidrovias e mais particularmente as ferrovias”, diz Cinthia Rodrigues , diretor de pesquisa e desenvolvimento do Ibram: “É um setor que movimenta bilhões, achamos que se a logística se desenvolver, ainda poderá melhorar”, afirmou. Crédito da matéria vão pro site G1.

 

Sobre o crescimento sustentável

Curta nossa página


Siga-nos no Google +


Visite-nós